Clorofila: Benefícios, Para Que Serve e Propriedades!

Clorofila: Benefícios, Para Que Serve e Propriedades. Quando observamos a grande diversidade de vida que nos cerca, pode ser difícil imaginar como algo tão belo e complexo pode depender tanto de elementos que parecem tão simples e habituais como a água, a luz solar ou o oxigênio que respiramos.

No entanto, a verdade é que sem esses elementos a vida como a conhecemos em nosso planeta não seria possível.

Clorofila

Um dos elementos mencionados anteriormente, o oxigênio, não existiria em grande extensão na natureza se não fosse pelo surgimento e evolução de um pequeno pigmento presente nas plantas: a clorofila.

Este pigmento é um componente vital para a planta porque permite que ela sobreviva, e para nós, porque em grande parte graças a ela é a fotossíntese que contribuiu para enriquecer o nosso mundo de oxigênio que precisamos para sobreviver.

E não só isso: vários estudos parecem indicar que a clorofila, quando adicionada à nossa dieta, também pode ter propriedades benéficas interessantes para a nossa saúde. Ao longo deste artigo, veremos um breve comentário sobre alguns desses aspectos.

O Que é Clorofila?

Clorofila é conhecido como um dos tipos mais relevantes para a molécula reino vegetal, pigmento de capital, pois é somente através deste elemento que as plantas podem realizar a fotossíntese , que é essencial para a sua sobrevivência.

E não apenas para as plantas em si, mas também para toda aquela criatura que precisa de oxigênio para sobreviver (incluindo nós), já que a fotossíntese é o que gera a maior parte do oxigênio que respiramos.

A clorofila é encontrada nos cloroplastos de diferentes tipos de plantas e algas , sendo a principal responsável pela coloração esverdeada que capturamos nesses seres. Além disso, também é possível encontrá-lo em algumas bactérias.

moléculas de clorofila são compostas de um anel de proteínas chamadas de porfirina, que contém magnésio e é o principal responsável por que pode recolher a luz solar, e ligar uma cadeia de fitol (um álcool) que mantém a membrana e apresenta um desempenho hidrofóbico.

Sua estrutura lembra e é muito semelhante à da hemoglobina animal, embora, como dissemos, o principal componente de seu núcleo seja o magnésio (em vez de animais próprios de ferro).

Na verdade, embora nós pensamos geralmente de clorofila como homogênea, é certo que podemos encontrar diferentes tipos de que, especificamente clorofilas a, b, c (algas mais comum), dyf (mais os dois últimos típico de bactérias).

Destacam-se principalmente a clorofila a e a clorofila b (que são as que dão cor verde às plantas).

Benefícios:

1. É Boa Para o Sangue:

Por ser rica em fibras, a clorofila atua controlando os níves de açúcar no sangue, o que pode prevenir o aparecimento de diabetes, e até mesmo ajuda no controle desta.

As propriedades nutricionais dessa substância fazem dela também um excelente regulador dos níveis de gordura nas artérias, prevenindo o colesterol alto. O ferro presente na clorofila ajuda a evitar doenças, como a anemia.

2. Melhora o Trânsito Intestinal:

A alta quantidade de fibras atua também fazendo uma verdadeira faxina no organismo, e facilitando a digestão, promovendo ainda a sensação de saciedade, espaçando os episódios de fome.

3. Fortalece o Sistema Imunológico:

A clorofila é um alcalinizador do sangue e oxigena as células, isso significa que atua tornando o organismo mais forte e resistente a doenças, que preferem sempre ambientes ácidos e se beneficiam da falta de oxidação celular.

4. Previne Doenças:

Além de atuar fortalecendo o sistema imunológico, a clorofila pode ajudar a evitar a manifestação de diversos tipos de cânceres, inibindo a progressão de tumores, e reduzindo a oxidação das células, que tornam o ambiente favorável para tais doenças.

Existem estudos da Universidade de Oxford a esse respeito. Uma outra pesquisa da Universidade Estadual Londrina mostra ainda que a clorofila pode ser um poderoso antiviral.

5. Combate o Mau Hálito:

A clorofila é também um potente desodorizador, e pode ser utilizada como prevenção da halitose.

Ao atuar melhorando o funcionamento digestivo, a substância potencializa ainda mais os efeitos sobre a saúde bucal.

6. Anti-inflamatório:

Diferentes estudos parecem indicar que, além de ser um antioxidante, a clorofila contribui para reduzir as citocinas pró-inflamatórias e, até certo ponto, diminui os efeitos da inflamação. Neste sentido, pode ajudar a tratar inflamações intestinais ou artrite.

7. Contribui Para Uma Boa Circulação:

Outra propriedade atribuída à clorofila (embora seja discutida se é real ou um mito), em parte graças ao seu potencial antioxidante, depurativo e anti-inflamatório , é promover o bom funcionamento da circulação sanguínea.

Propriedades:

Tantos benefícios vem da grande quantidade de nutrientes presentes na clorofila, tais como as vitaminas A, B, C, E e K. Ela contém mais de cem nutrientes, todos os minerais, 17 tipos de aminoácidos e 7 enzimas antioxidantes. Alguns deles são o magnésio, o cálcio, o zinco e as proteínas. A clorofila é também rica em fibras.

Contraindicações da Clorofila:

Por ser um alimento natural, a clorofila quase não possui contraindicações. É necessário apenas dosar seu consumo, pois o excesso pode provocar eliminação excessiva de toxinas, causando vômitos e diarreias.

Pessoas com insuficiência renal devem evitar também por causa do risco de atrapalhar ainda mais o processo de filtração.

Recomendados Para Você: